NOTÍCIAS

VERÃO SAUDÁVEL: JÁ SABE O QUE LEVAR PARA COMER NA PRAIA?

Especialistas reforçam a dica de consumir alimentos frescos e leves!

Salada da Green Station. Foto: Divulgação

A época mais quente do ano já está batendo na porta - o último fim de semana está de prova. E durante esse período, as praias são o destino certo dos capixabas e turistas que visitam o Estado. O local, a princípio, não aparenta trazer perigos à população, com exceção do mar, que deve ser aproveitado com cautela.

No entanto, aliado a hábitos ruins, o passeio na praia pode acarretar riscos à saúde e fazer com que o banhista vá parar no hospital. Um desses comportamentos é a má alimentação. Consumir produtos industrializados e gordurosos, como queijos, empadinha e cachorro quente não é a melhor opção.

“Na praia, o nosso corpo fica muito tempo exposto a altas temperaturas, o que exige o uso do protetor solar. Só que os cuidados não se restringem apenas a “casca”, ou seja, a pele. Eles devem vir de dentro para fora, com a ingestão de água e alimentos saudáveis que mantenham o organismo hidratado”, explica a nutricionista Nathalia Salutar.

O consumo de água é uma das principais indicações. Mas, não é somente no formato líquido que conhecemos. Frutas e verduras com composição rica em água também ajudam a hidratar. Assim como os sucos, que são saborosos e versáteis. No projeto Detox, existem várias opções de sucos prensados à frio, que podem substituir uma refeição e são fáceis de carregar em uma bolsa térmica.

“Por meio de um processo de prensagem especial, o suco é retirado dos alimentos de maneira lenta, o que mantém a temperatura necessária para preservar os nutrientes e enzimas, respeitando a estrutura dos compostos”, explica o médico Fernando Del Piero.

Os sabores são representados por cores, por exemplo, o suco verde é feito de maça, limão, pepino, espinafre, couve, hortelã, gengibre e agua de coco. Já o amarelo, leva abacaxi, laranja, pera e água de coco – que é um produto liberado para ser consumido nos quiosques.

O médico Fernando Del Piero. Foto: Divulgação

E quem quiser fazer uma alimentação mais completa, as saladinhas são uma boa pedida. “Dessa forma é possível reunir vários ingredientes importantes, que vão saciar o indivíduo, sem causar sensação de peso no estômago ou gerar alguma reação adversa”, avalia Nathalia.

Na Green Station, a salada pode ser montada na hora e colocada em uma embalagem de viagem. Assim, sua refeição na areia da praia está garantida. De olho no verão, os empresários responsáveis pela saladeria, Vinicius Loyola e Taiguara Moura, adicionaram um novo ingrediente ao cardápio: o abacate.

“Ele ajuda a hidratar a pele e o cabelo, o que é muito importante durante a estação, porque os mesmos sofrem com o ressecamento. Além disso, o abacate melhora a circulação do sangue por ser rico em ômega 3”, afirma Nathalia.

Novos molhos também vão entrar para o menu: abacaxi com pimenta e abacate com limão. “Esses lançamentos não poderiam vir em melhor hora. O frescor dos novos ingredientes e molhos será muito bem-vindo no calorão”, finaliza Vinicius.

COMENTÁRIOS