COLUNAS

SEGREDOS PARA UM CHURRASCO SUCULENTO

Rei da carne dá dicas para os churrasqueiros de plantão

A Copa do Mundo está aí e, para acompanhar os jogos, nada melhor do que um churrasco na brasa. Para não fazer feio com os convidados, o especialista em carnes István Wessel diz que um dos erros clássicos é acender o carvão e na sequência já colocar a carne. “Para virar uma boa brasa, vai demorar no mínimo 45 minutos. Outra dica é ficar atento ao sentido da carne na hora do corte. Quando você corta a carne a favor da fibra, ela fica dura. Se cortar na transversal, fica macia”, ressalta.

 

Para ele, o melhor churrasco do mundo é feito no Uruguai, na Argentina e, claro, no Brasil. Por aqui, além da picanha e do bife ancho, ele indica outros cortes que vêm fazendo sucesso. Uma maminha bem gorda é uma carne deliciosa, e a fraldinha também é uma carne que aprendemos a comer. Antigamente, era tida como carne de segunda. Uma carne que está vindo muito para o churrasco é a de cordeiro. Em toda boa churrascaria você vai encontrar carré, alcatra e paleta de cordeiro.

 

Aula sobre carnes com István Wessel - Em casa

COMENTÁRIOS