COLUNAS

QUARENTENA DESPERTA O DESEJO DE REALIZAR REFORMAS EM CASA

Varanda torna-se ambiente aconchegante com revestimento Beatles Black, da Decortilles

 

A pandemia de Covid-19 e as medidas de isolamento social voltaram a atenção de muita gente para dentro de casa. A nova rotina leva a refletir sobre a importância de viver confortavelmente em sua residência, criando novas necessidades para os moradores e aumentando o desejo de realizar reformas.

No cenário atual, a criação de espaço para home office tornou-se uma das principais buscas dos moradores. Espaços mais amplos para fazer exercícios em casa, ambientes aconchegantes para sentir-se bem e para o lazer, também são necessários. As mudanças podem passar pela reforma para reestruturação dos espaços ou por alterações mais simples, como troca de mobiliário e algumas adaptações nos ambientes.

Antes de começar, Carlos Marianelli, diretor da Compose, alerta que é preciso buscar orientação profissional para fazer as adaptações da forma mais adequada. “Por conta do momento, muitos se deixam levar pela emoção e buscam reformas rápidas, sem planejamento, que podem se arrepender no futuro. Deixar a casa mais confortável é sempre uma boa ideia, mas é preciso buscar a orientação de profissionais especializados para isso, nas lojas em que for comprar os produtos e consultoria com arquitetos e designers”, destaca.

Veja algumas dicas para começar a repaginar a casa:

  1. Defina os objetivos, tenha clareza de qual mudança realmente quer fazer e busque um profissional para orientá-lo;
  2. Tenha um orçamento disponível para começar e concluir a reforma, pois deixar algo pela metade pode aumentar a sensação de desconforto em casa neste momento;
  3. Avalie se é necessário realizar uma obra ou se algumas adaptações podem atendê-lo. Se der para esperar, comece pelo mais simples: pinte as paredes, mude os móveis de lugar, integre ambientes por meio do mobiliário, crie o home office em espaços já existentes;
  4. Se for partir para a obra: planeje bem e busque produtos e serviços de qualidade;

COMENTÁRIOS