COLUNAS

EVOLUÇÃO DOS MÓVEIS PARA ÁREAS EXTERNAS É TEMA DE BATE-PAPO

Luciano Munhoz - Divulgação

 

A fábrica Tessaro é pioneira na produção de mobiliário feito com corda náutica anti desbotamento

Um dos fundadores da fábrica Tessaro, de Carmópolis de Minas, Luciano Munhoz, foi o convidado que encerrou o ciclo de eventos da Mostra Tessaro  Home&Garden 2019, na Tessaro da Praia do Canto, dos empresários Eduardo Melquiades e Tatiana Andrade.

Ele falou sobre o processo criativo, produtivo e a evolução dos móveis de áreas externas, trazendo curiosidades e inovações sobre esse tipo de mobiliário, abordando fatores como o design. Compartilhou um pouco sobre a história desses móveis e expôs em primeira mão uma novidade da fábrica mineira.

“Esse mobiliário começou a ser utilizado há 22 anos e, desde então, percebemos evolução no formato da trama, no material, no design e até no nosso processo, que é artesanal, afinal todos os nossos produtos são feitos a mão”, frisou Luciano. Ele ainda explicou que nesse desenvolvimento do mercado de móveis foi preciso que a indústria do alumínio se adaptasse e se reinventasse para servir ao cenário de móveis externos.

“Como eu disse, houve melhora em tudo, o design atualmente é mais arrojado, o processo de soldagem é mais eficiente, teve a introdução da fibra, da tela, as cores agora são mais variadas e se dão por meio de pinturas eletrostática, tem uma gama de texturas, o acabamento pode ser fosco ou brilhante. Antes os tecidos eram duros e rígidos e pouco confortáveis, mas já evoluímos muito nesse aspecto também, saímos daquele tecido padrão e agora temos um conforto diferenciado”, disse Munhoz.

Uma tendência queridinha do momento e muito presente na Mostra Tessaro Home&Garden é a corda náutica. Tecida por fios de polipropileno através de tranças, ela começou na Itália e há cerca de dois anos já estava reinando em Milão. Seu grande segredo são os fios, que ainda não são tratados no Brasil, e que acabam desbotando em um curto período de tempo devido ao processo de produção. Segundo Luciano, a fábrica Tessaro é a pioneira na resolução desse problema.

“Buscamos um fornecedor que trata o próprio fio e em sua estruturação tem maior concentração de aditivos anti UV que vão aperfeiçoar o comportamento do produto por mais tempo, evitando o desbotamento. E não é só isso, colocamos ainda uma ‘alma’, um miolo de fibra sintética que vai melhorar a acomodação desses fios mantendo a resistência”, esclareceu. Munhoz finalizou o bate-papo dizendo que a Tessaro tem duas características principais, a customização do produto e o fato de gostar do que fazem. “Nossa paixão é sentida pelos nossos clientes”, concluiu.

 

COMENTÁRIOS