COLUNAS

BAIXO CONSUMO DE LÍQUIDOS É FATOR DE RISCO PARA CÂNCER DE BEXIGA

Beber água - crédito Freepik

 

Com o dia a dia cada vez mais corrido, muita gente esquece de beber água e só costuma lembrar ao sentir sede. No entanto, a ingestão de líquidos, principalmente água, é essencial para que o organismo funcione perfeitamente. A oncologista capixaba Carolina Conopca alerta para a relação com o câncer de bexiga. "Pessoas que bebem pouco líquido ao longo do dia têm maiores chances de desenvolver o câncer de bexiga. Isso porque, as substâncias tóxicas concentradas na urina são diluídas pela água e, consequentemente, expulsas da bexiga em pouco tempo", explica a médica.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), até o final deste ano, somente no Espírito Santo, cerca de 150 homens podem apresentar quadros da doença. A pesquisa revela também que para as mulheres, são previstos 50 casos. "Crie o habito de consumir, pelo menos, 2 litros de água por dia. Um cuidado simples como esse já ajuda a prevenir o do câncer de bexiga", finaliza a especialista.

COMENTÁRIOS